Eventos de Brasília

5ª edição do Movimento Internacional de Dança (MID)

18/04/19

Compartilhe:

Vem dançar com a gente!

 

Em sua quinta edição, o Movimento Internacional de Dança (MID) transforma-se numa das mais frutíferas plataformas artísticas do país ao colocar numa mesma dimensão de diálogo montagens do Distrito Federal, do Brasil e do mundo, criadas dentro de uma diversidade de linguagens. De 18 de abril a 5 de maio de 2019, 55 apresentações de 36 coreografias da Alemanha, Bélgica, Brasil, Burkina Faso, El Salvador, Espanha, França, Itália, Lituânia, México e Moçambique ocupam os palcos do Centro Cultural Banco do Brasil (Teatro e área externa), do Espaço Cultural Renato Russo (Sala Multiuso e Teatro Galpão), Teatro Sesc Paulo Autran (Taguatinga), Teatro Sesc Newton Rossi (Ceilândia), Teatro Sesc Paulo Gracindo (Gama) e Teatro Plínio Marcos (Funarte).

Em 18 dias de atividades intensas, o MID põe a dança como protagonista da cena cultural do Distrito Federal ao associar uma programação de espetáculos de qualidade com atividades formativas (mesas de debates, oficinas e residências artísticas), de intercâmbio (rodas de negócios com a vinda de curadores nacionais e estrangeiros e encontros entre artistas de três continentes), de formação de plateia (ação com professores e estudantes da rede pública) e de mobilização com a população (batalha de breaking e aulões abertos de dança).

“O MID é o campo fértil para o intercâmbio intenso entre criadores e público, posicionando o Distrito Federal e, consequentemente, o Centro-Oeste como territórios visíveis para a dança tanto no Brasil como no exterior”, aponta Sérgio Bacelar, diretor-geral do festival.

O festival tem patrocínio do Banco do Brasil, da Embaixada da França, do Instituto Francês e do Governo de Brasília, por meio do Fundo de Apoio à Cultura do Distrito Federal (FAC).

 

Na plataforma internacional, França traz quatro montagens

Nesta edição, o MID traz um bloco de quatro espetáculos da França, país fortemente presente desde a terceira edição. “Estamos comprometidos com o MID porque não é somente um evento de difusão importante, mas também global, inclusivo, com uma parte de reflexão, de sensibilização, formação pedagógica, que se abre a todos os públicos”, afirma o Conselheiro de Cooperação e Ação Cultural da Embaixada da França, Alain Bourdon. “São iniciativas assim que apoiamos porque são eventos culturais na maneira mais nobre que podemos pensar”, reforça Bourdon.

As coreografias que representam o país nos palcos são:

Tel Quel! | 21 de abril às 11h | CCBB

Tel quel!, do coreógrafo Thomas Lebrun, é um espetáculo infanto-juvenil que põe em dinâmica motes como a diferença, a tolerância, os sonhos e o humor nos corpos de quatro artistas.

Happi, La tristesse du roi – Psaumes #2 | 27 de abril às 20h | CCBB

Happi, La tristesse du roi – Psaumes#2, da Companhia James Carles Danse&Co,é um fluxo de dança poética em torno do sagrado criado pelo coreógrafo Heddy Maalem para o intérprete James Carles.

Singspiele | 04 et 05 de maio às 20h | CCBB

Singspiele, de Maguy Marin, discípula de Maurice Béjart, coloca no palco o ator, escritor e diretor de teatro David Mambouch, que desfila tipos masculinos e femininos, mudando literalmente de identidade como se muda de roupa.    

Completa a representação do país o solo Le somnambule, de Kévin Coquelard, que faz parte dos Solos de Stuttgart.

 

MID 5ª edição | 18 de abril a 05 de maio de 2019

Programação completa : https://www.movimentoid.com.br/mid2019

facebook.com/www.movimentoid.com.br/

twitter.com/movimentoid

instagram.com/movimentoid/