Eventos de Brasília

Programação do Cinema Le Corbusier – Abril 2019

03/04/19

Compartilhe:

Clássicos Restaurados do Cinema Francês - Os Filmes que Amamos

O Cine Le Corbusier da Embaixada da França e o Instituto Francês no Brasil farão, no mês de abril, uma "Mostra de Clássicos Franceses Restaurados", uma coleção de filmes com cópias restauradas, dentro das quais aparecem as obras de grandes cineastas franceses (Louis Malle, Jacques Demy e Robert Bresson).

Quarta-feira, 03 de abril, às 19h

• Homenagem a Agnès Varda : O Cine Le Corbusier exibirá nesta quarta-feira, 3 de abril, um curta-metragem homenageando esta cineasta e fotógrafa, único nome feminino da Nouvelle Vague, falecida nesta última quinta-feira, 28 de março.

Os Noivos da Ponte Mac Donalds (França - 1961)
De Agnès Varda.
Com Jean-Luc Godard, Anna Karina.
Humor. 5 min.


Sinopse
Um jovem vê tudo negro quando põe os óculos escuros. Basta os arrancar para que as coisas se ajeitem...

• Ascensor para o Cadafalso (França -1957)
De Louis Malle.
Com Jeanne Moreau, Maurice Ronet, Georges Poujouly, Félix Marten, Ivan Petrovitch, Jean Wall, Hubert Deschamps, Lino Ventura, Elga Andersen, Gérard Darrieu, Yori Bertin, Micheline Bona e Jacqueline Staup.
Drama Policial. 1h30 min.


Sinopse
Florence e Julien decidem matar Simon, o marido de Florence. O crime deve parecer suicídio. Como é tarde, o vigia corta a eletricidade: Julien fica preso no elevador. Enquanto isso, dois jovens roubam o carro de Julien.

Quarta-feira, 10 de abril, às 19h 

• Sinistro (Brasília  - 2000)
De Rene Sampaio.
Com Adion Buccar, André Luis de Oliveira, Antônio Fragoso, Cristian e Denilson Félix.
Ficção. 17min.


Sinopse
Um homem entra no táxi para encontrar uma cliente. Um acidente sinistro acontece e, ao longo da história, os diferentes personagens apresentam alguma conexão com o fato. 

• O Batedor de Carteiras  (França - 1959)
De Robert Bresson.
Com Martin Lassalle, Marika Green, Pierre Leymarie, Jean Pélégri, Dolly Scal, Henri Kassagi, Pierre Etaix e César Gattegno.
Drama Policial. 1h15 min.

Sinopse
Michel começa a bater carteiras por dinheiro, depois por prazer e adrenalina, até o estranho hobby tornar-se um vício. Preso, ele reflete sobre o assunto, pensa na família e na namorada, Jeanne , mas por fim a obsessão fala mais alto e ele logo volta ao crime – agora muito mais habilidoso.

Quarta-feira, 17 de abril, às 19h 

Os Guarda-Chuvas do Amor (França - 1963)
De Jacques Demy.
Com Catherine Deneuve, Nino Castelnuovo e Marc Michel.
Comédia dramática, Ficção. 1h35 min.


Sinopse
Cherbourg, 1957. Guy Foucher é um jovem de 20 anos que foi criado pela madrinha e trabalha como mecânico de carros. Ele é apaixonado por Geneviève Emery, uma adolescente de 17 anos que ajuda sua mãe viúva no negócio da família, uma loja de guarda-chuvas elegante, mas pouco lucrativa. Geneviève também o ama, mas sua mãe acha que ela é muito nova para casar e não vê como Guy pode manter uma família. Ele é convocado para o serviço militar e ela descobre estar grávida. Surge o dilema: esperar o retorno do amado ou seguir adiante?

 

Quarta-feira, 24 de abril, às 19h 

La Bohème
Dir. Claus Guth.
Maestro: Gustavo Dudamel.
Ópera em quatro atos.
Libreto de Luigi Illica e Giuseppe Giacosa.
Cantada em italiano.
Encenada pela primeira vez em 1840.
Ópera Nacional de Paris.
Elenco: Nicole Car, Ainda Garifullina, Atalla Ayan e Artur Rucinski.
Duração: 2h10.

Inspirado em Scènes de la vie de bohème, de Murger, esta ópera coloca em cena jovens artistas que vivem na penúria e que sonham com outra vida. Puccini nos oferece, por meio da relação entre o poeta Rodolfo e a frágil Mimi, uma história de amor comovente e algumas de suas mais belas páginas no universo da ópera. A montagem dessa nova produção situa o drama em um futuro sem esperança, no qual o amor e a arte se tornam o derradeiro caminho para a transcendência.