Programas

O programa BRAFITEC (Brasil-France-Ingénieurs-Tecnologia) é um programa de intercâmbio para estudantes franceses e brasileiros em engenharia. Os objetivos desse programa são de intensificar a inovação dos currículos e permitir o reconhecimento mútuo das formações oferecidas aos estudos em engenharia. Os estudantes beneficiam de ajudas à mobilidade para poder estudarem em universidades ou “grandes écoles” (grandes escolas) parceiras.

 

Links: http://www.capes.gov.br/cooperacao-internacional/franca/brafitec

http://www.cdefi.fr/fr/activites/les-programmes-de-mobilite-internationale

Contatos:

CDEFI: Jacques Gelas, coordenador francês do Programa BRAFITEC

jacques.gelas@wanadoo.fr

CAPES: brafitec@capes.gov.br

 

Declinação do BRAFITEC, o programa BRAFAGRI oferece ajudas à mobilidade para estudantes franceses e brasileiros em formação cruzada para a obtenção de um diploma de engenheiro, de veterinário ou em outra especialidade na área das ciências agrícolas e disciplinas vinculadas.

 

Links: http://agriculture.gouv.fr/partir-en-mobilite-academique-letranger

http://www.capes.gov.br/cooperacao-internacional/franca/capes-brafagri

Contatos:

MAAF: Gerardo RUIZ, coordenador francês do Programa BRAFAGRI

gerardo.ruiz@agriculture.gouv.fr

CAPES : brafagri@capes.gov.br

 

O programa Eiffel é um programa de bolsas de excelência do Ministério francês  da Europa e dos Assuntos estrangeiros para estudantes estrangeiros aceitos em instituições francesas de ensino superior (nível mestrado ou doutorado) na áreas das ciências, da economia, da gestão, do direito e das ciências políticas. Inclui aproximadamente 50 participantes brasileiros por ano.

 

Links: https://www.campusfrance.org/fr/eiffel

http://www.bresil.campusfrance.org/page/bolsa-eiffel


 

O programa REFEB apoia em média 20 estudantes franceses por ano no contexto de pesquisa de campo no Brasil. Essa média deve ser mantida para contribuir de forma significativa para a mobilidade dos estudantes “brasilianistas” e a consolidação das relações interuniversitárias (consolidação e institucionalização de cooperações franco-brasileiras).

Contatos: refeb@ambafrance.org.br

 

Esse programa existe em três Estados: São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais. Essas cátedras constituem uma excelente oportunidade para desenvolver e estruturar as colaborações entre os organismos franceses de pesquisa e as universidades dos Estados brasileiros a través de atividades de pesquisa, de ensino e de divulgação científica.

Links: https://saopaulo.consulfrance.org/-Science-et-Technologie-

https://riodejaneiro.consulfrance.org/-Sciences-et-technologies-

https://scacbh.wordpress.com/

 

Contato : scac-stu.brasilia-amba@diplomatie.gouv.fr

 

O Comitê Francês de Avaliação de Cooperação Universitária e Científica com o Brasil (COFECUB) e a Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES) estabeleceram desde 1978 um acordo para o apoio financeiro de projetos conjuntos de pesquisa (mobilidades de pesquisadores dos lados e formação de doutorandos e pós-doutorandos).

 

Links: https://www.campusfrance.org/fr/capes-cofecub

https://www.capes.gov.br/cooperacao-internacional/franca/cofecub

Contatos: cofecub@univ-paris13.fr

cofecub.projetos@capes.gov.br

 

O objetivo desse acordo quadro é de criar um sistema de intercâmbios acadêmicos para permitir a professores-pesquisadores brasileiros e franceses de desenvolver pesquisas conjuntas de alto nível. Esse programa, financiado do lado brasileiro pela Universidade de São Paulo, inclui missões de curta duração e foi estabelecido em 1994.

 

Links: https://www.campusfrance.org/fr/usp-cofecub

http://prp.usp.br/wp-content/uploads/2017/09/COFECUB_diretrizes-2017.pdf

Contato: cofecub@univ-paris13.fr

 

O programa GUYAMAZON tem como objetivos  favorecer, apoiar e financiar o estabelecimento de projetos conjuntos de pesquisa, de formação e de inovação na região amazônica (Amazônia legal e Guayana francesa). Nesse contexto, o financiamento de projetos de colaborações científicas e tecnológicas entre pesquisadores franceses, especialmente na região da Guayana, e dos seus homólogos dos Estados do Amazonas, do Amapá, do Pará e do Maranhão é estabelecido.

Link: http://www.guyamazon.org/

 

O programa MATH-AMSUD é um programa de cooperação científica na área da matemática e que inclui toda a América do Sul e a França.

Link: http://www.sticmathamsud.org/fr/

 

Igual ao programa MATH-AMSUD, STIC-AmSud inclui todos os países da América do Sul e a França e oferece apoio para projetos de pesquisa ligados a ciência e as tecnologias da informação e da comunicação.

 

Link: http://www.sticmathamsud.org/fr/

 

http://www.institutofrances.cl/wp-content/uploads/2017/02/LOGO-PREFALC.jpg

O programa regional França-América Latina- Caribe PREFALC apoia projetos de cooperação universitária entre duas instituições de ensino superior francês, latino-americano e caribenho. Assim, permite o financiamento durante dois anos da mobilidade de equipes de professores-pesquisadores de instituições de ensino superior francês que desejam fazer missões de ensino de nível mestrado em parceria com pelo menos duas instituições universitárias latino-americanas e/ou caribenhas em todas as áreas científicas.

Link: http://www.fmsh.fr/node/24201

Contatos:

Pierre Antoine Legrix, Assessor : prefalc@msh-paris.fr